domingo, 19 de fevereiro de 2017

Desmotivado


As coisas sem mais beleza alguma, corriqueiras,
A torneira, a toalha, o pedaço de pão, o chão...
São de uma objetividade extrema, sem opção.
Relés condição sem vida é o que as coisas são.

A lua brilha tanto quanto o talher na mesa, ou seja,
As estrelas, se eu não vê-las, não farão diferença,
As terei  outro dia, ou daqui a uma semana.
São estrelas apenas tanto aqui quanto no Japão,
Nada demais, sem particular significação.  

As horas perderam a gloria, o charme, a alegria,
A fantasia de quem olha com empolgação e dura
Além dos relógios, dos calendários, dos horários.
E só tem agora, que pena, sua entediante função,
Das quais já não perco mais a noção.

Fábio Murilo, 19.02.2017

17 comentários:

  1. Quando há essa desmotivação,as coisas corriqueiras do dia a dia já não tem mais o valor que poderiam ter,mas ainda há esperança que mesmo o céu escurecido,sabemos que o sol está no mesmo lugar,para brilhar e renovar essa desmotivação,ou seja,motivar novamente a beleza interior que há dentro de nós,para apreciarmos o que achamos não valer mais a pena.
    Gostei muito Fábio!
    Bjs e um ótimo domingo.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  2. Às vezes a Poesia agoniza mas não morre, enverga mas não quebra.
    E este calor alucinante desanima qualquer atividade em ambiente fechado.

    abraço

    ResponderExcluir
  3. Como dizia a minha vó: pra frente.
    Só há um remédio pra isso. Tire umas férias e vai conversar com os céus, as estrelas e a lua
    Bjs
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  4. A desmotivação foi versada de maneira tal que passou desalento-rs.
    Não podemos nos deixar sucumbir a este estado de ânimo.
    Muito bom!

    Ótima semana!

    ResponderExcluir
  5. Tudo isso é tão triste!!
    Estranhante me sinto assim as vezes.

    besos
    http://minhaformadeexpressao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. E mesmo com um peso nos ombros dos dias iguais, o mudaremos num olhar, a respirar transformação. Um abraço Fábio

    ResponderExcluir
  7. Olá Fábio! Gostei da sua poesia. Vc tem muita sensibilidade.
    Um beijo!

    ResponderExcluir
  8. Quanto desanimo nas palavras deste triste mas muito belo poema.
    Um abraço
    Maria

    ResponderExcluir
  9. Lindo poema Flávio! Poesias tristes são sempre as mais bonitas, gostei da forma como expressou seu sentimento.

    Bjs!
    31 de Março

    ResponderExcluir
  10. Fábio, meu querido, este desânimo que por vezes se aconchega na alma, e tolhe gestos e barra iniciativas, foi muito bem versejado em mais uma de tuas criações poéticas.
    Quando me sinto assim me vem a necessidade de escrever. Aliás, para esta atividade, confesso, nunca me falta entusiasmo.
    Que te cheguem, meu amigo, dias de paz e de muita inspiração.
    Beijos, estrela, sorrisos,
    Leninha

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde, Murilo.
    Gosto de poemas assim, densos, que mostram a realidade como é.
    Nada quase desperta a extrema felicidade, fato, é tudo quase"mais do mesmo".
    Parabéns.
    Tenha um feriado de paz.
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir
  12. Gostei do pema! Muito bem feito, mas não podemos pensar na mesmice. O ser é uma sequência de seres. Há que ser alegre e triste, feliz e infeliz e a viver o agora com intensidade. É aquela história... de que "ontem eu chorava em casa por não ter sapatos para calçar e ao sair à rua deparei com um homem que não tinha pernas." Os pessimistas dizes que a vida é uma sucessão de golpes - muitos nos ferem e um será fatal. E os otimista afirmam que a vida é uma sucessão de sonhos, alguns são quimeras e muitos foram, são e serão realidades. Grande abraço. Laerte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado, tava precisando saber disso nesse momento. Foi reconfortante. Abraços!

      Excluir
  13. Murilo,
    Eu adoro ler você aqui
    somente não comentava.
    Aguardo você lá
    no Espelhando.
    Bjins
    Catiaho Alc.

    ResponderExcluir
  14. Desmotivação é um estado de espírito momentâneo, muito chato, sofrível. Mas de uma hora para outra a gente se recompõe. Não chega a ser uma depressão, mas diria que é o parente dela. Há gente que sabe reverter o quadro, correndo atrás de motivações, fazer tudo que gosta. Penso ser o começo da auto-ajuda!
    Beijo, amigo, gostei, muito real!!!

    ResponderExcluir

  15. Bom dia!

    Meu nome é Fernanda Alves, eu falo em nome da Lionshome. Estou entrando em contato com você, pois estamos analisando blogs em todo o Brasil para fazerem parte de nossa Rede de Blogs e o seu blog foi selecionado.

    Nós gostamos bastante do conteúdo da sua página e temos certeza que nossos usuários vão gostar e se informar mais.

    Só explicando um pouco melhor sobre a LionsHome, nós somos uma Startup localizada em Berlim que durante seus dois anos de vida vem crescendo rapidamente.Recentemente lançamos nosso Website no Brasil e estamos buscando Blogs com conteúdos interessantes e interativos para fazer parte da Rede LionsHome de Blogs.

    Com a nossa rede de blogs você tem a oportunidade de adicionar uma pequena descrição sobre os seus posts ao nosso website através do RSS-feed, atraindo assim mais visitantes e leitores para o seu blog (quando os usuários clicarem em seu post são redirecionados para o seu blog). Caso você tenha interesse, essa participação é completamente gratuita, já que estamos entrando agora no mercado brasileiro. A única coisa que pedimos em troca aos blogs da rede Lionshome é adicionar uma pequena logo nossa em sua página inicial assim que você se registrar.

    O link para se inscrever é o seguinte:

    http://www.lionshome.com.br/br-br/blogs/signup/

    Se você quiser saber como funciona melhor nossa rede de blogs, pode visitar nosso website:

    http://www.lionshome.com.br/br-br/blogs/all/ (Brasil)

    Qualquer dúvida, estou à disposição.

    Abs,
    Fernanda Costa

    --
    Fernanda Costa
    Marketing & Community Manager Brazil
    Phone: +49 030 120 534 090
    Web: www.lionshome.com.br

    ResponderExcluir