sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Das Mágoas do Fogo



A juventude inventa modas,
Inventa nódoas,
Amanhecida a cada segundo.

Qual larva incandescente
Emergente do caos telúrico,
Não há mal, afinal,
Em seu insulto inocente,
Que renova, leva e lava.
Que faz surgir os montes
E faz sumir aos montes.
E faz emergir do nada
Do magma incandescente,
Ilhas verdejantes
Onde, antes, só havia água.

Fábio Murilo, 11.04.2013

34 comentários:

  1. Boa noite Fábio Murilo

    Adorei o teu poema....Invenções ... que não se "brinca" como antigamente.

    Beijinho
    Bom fim de semana

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa Cidália. Pois é, a vida é dinâmica, nunca para, é sempre jovem a cada aurora. Obrigado pela visita.

      Excluir
  2. Me diga uma palavra que possa transcrever meu sentimento poético de nostalgia ao ler o que escreveu? Perfeito,como sempre!
    Beijinhos,
    http://luizadevaneios.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Basta sentir, qualquer descrição é indispensável e inútil para exteriorizar o que se passa por dentro. Nostalgia? rs... De um tempo que estás vivendo. Obrigado simpática e sagaz menina.

      Excluir
  3. A juventude tem mesmo é que inventar, porque o que lhes é apresentado, geralmente não tem graça. As nódoas fazem parte dessas modas, desse processo, tipo ritos de ousadia, de passagem para uma realidade futura que se pretende adulta, o que quer que isso seja; realidade na qual ficarão para sempre as
    nódoas do crescimento como uma "marca de água" que moldou, deu calo, ajudou
    a formar o carácter. Crescer é desafiante, belo, e doloroso.
    Jovens saudáveis devem insultar o mundo todos os dias, a cada instante, para tentar fazer surgir essas "Ilhas verdejantes", que um dia mais tarde, muitas delas,
    voltarão a ficar submersas.
    Poema muito belo, Fábio! E também gostei muito da imagem; um rapaz sem receio das nódoas!...:-)
    xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa... Nada a declarar. Encantado. Obrigado Laura.

      Excluir
  4. Voce tem o dom de me deixar muda, so lendo e relendo suas
    belas poesias.
    Um domingo de paz e luz
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prá mim você não "muda", minha fiel e espirituosa Garota Dourada. Obrigado pela luminosa visita. Beijos.

      Excluir
  5. A magia da vida num poema de encantar, lindo!
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. È... Ô, que encanto! Obrigado Maria Rodrigues.

      Excluir
  6. Suas palavras tem cor, cheiro e sabor de vida. Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo que consegui suscitar em ti esses sentimentos, despertar essas impressões, capturadas num momento de inspiração. Obrigado Ariane.

      Excluir
  7. Fábio, leio seu belo poema (que poema!) e depois fico por minutos a olhar a foto animada: essa garra, essa coragem e iniciativa de se despencar lá de cima – mesmo com técnica -, é própria dos jovens. Por isso que quando nasce algum movimento plantado em núcleos jovens, nasce, cresce com força e algo muda. Não dá para ficar sem seguir essa motivação, um ideal que nasce neles com a intenção, mesmo utópica e pura de mudar o mundo! A força é tamanha que dá para acreditar que um dia algo aconteça.

    Lindo, moço, você tem a poesia no sangue.
    bj.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uau!!! me deixou emocionado, moça... Obrigado!

      Excluir
  8. Deus me dê sabedoria p/ interpretar teus poemas kkk

    ResponderExcluir
  9. Boa noite Fábio.. uma linguagem bem expressiva.. que só revela o que esta sendo hj em dia.. um luta diária neste universo de emoções que pairam no ar, perdidas em si mesmas.. abração amigo até sempre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai ,Samuel, sempre espiritualizado, bom rapaz. Abraço amigo. Obrigado.

      Excluir
  10. Assustei-me deveras com a imagem, que já tinha visto nas atualizações, que recebo, diariamente dos blogues que estou seguindo.

    Juventude, é na maior parte dos casos, o que se vê na foto, mas tanto pode ser uma graça, para mostrar que tem pujança e sempre escapa, como ficar paraplégio ou mesmo tetra.

    Juventude é ousadia, é verdade, mas se for da BOA, que venha muita. Caso não, temos de "aprisionar" toda essa força, esse "vulcão" descontrolado, e há muitas maneiras de o fazer.

    Obrigada por ter lido as crónicas, os relatos que descrevi sobre minha família, minha tia Rita e meu avó João. Foram e continuarão sendo, as minhas referências.

    Todavia, você talvez não tenha reparado numas frases que eu escrevi a azul, logo no início do blog. Passe lá, pois o assunto é importante para todo o mundo.

    Boa semana, com sorrisos e alegrias.

    ResponderExcluir
  11. Muito bom!
    Parabéns Pela obra poética! Beijos!

    ResponderExcluir
  12. "Ninguém é completamente feliz",

    mas por vezes e por breves instantes
    somos felizes sem saber como,
    mas somos!!!...

    Eis a resposta à dúvida que deixou sair de seu coração
    com sinceridade e sofrimento...

    Agradeço sua presença
    nos "7degraus.

    Maria luísa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ou como diz Vinicius: "Que seja eterno enquanto dure". Obrigado Maria Luisa.

      Excluir
  13. A juventude, em qualquer fase da vida, é um estado de graça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom o que disse, Anderson Lopes. É o famoso estado de espírito.

      Excluir
  14. Ólá meu poeta jovem e sério, Fábio Murilo, como teus poemas que se arriscam nas palavras, idéias e sentimentos que encontro aqui, quase inacreditáveis às vezes, então percebo o ímpeto, a força de tua juventude, tua ousadia com a poesia...no fundo de meu coração existe algo jovem ainda, mas que desaprece mais a cada dia que passa, que o tempo passa, por isso "que seja eterno enquanto dure" (bela lembrança meu jovem poeta - poeta lembrando poeta).
    ps. Meu carinho meu respeito e meu abraço.
    blog do jair ou histórias de músicas e pessoas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jair, obrigado pela consideração e amabilidade.

      Excluir
  15. lindo poema, expressa bem a juventude sem limites, sem amarradas, se "Não pode"....parabéns!

    ResponderExcluir
  16. Bom dia, Fábio. A juventude tem o poder da ousadia em si, não teme muito o que lhe cerca, falta-lhe muita sabedoria ainda.
    Mesmo assim, existem os jovens sonhadores, que tem um espírito amadurecido, que sabem o que querem e veem a vida de uma forma mais positiva e transformam a negatividade em positividade.
    Eles têm sonhos que afloram no coração e que fazem acontecer a emoção da vida.
    Nesse mundo em que vivemos onde os valores são tão invertidos e muitos dos jovens se perdem, tem mesmo que salvar a essência que existe em uma juventude que tem tudo para ser boa, mas que muitos se corrompem.
    Juventude, época linda, que apenas volta em nosso espírito independente da cronologia.
    Os que a vivem, que a aproveitem com sabedoria!
    Fique com Deus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Patricia, que sejamos essencialmente jovens, que sempre sonhemos. acreditemos na vida, com a sabedoria dos anos. Seria o ideal do ser humano perfeito. Fique com Deus também, amém e obrigado.

      Excluir
  17. "Invento nódoa, imito móda, amanheço imerso de desejo" lindo espaço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso Everton, vamos gastar saúde e aproveitar a juventude! Obrigado cara.

      Excluir