sexta-feira, 3 de abril de 2015

Segunda Edição


Quero compartilhar contigo
Desse teu céu mais colorido,
Dessas tuas manhãs encantadas.
Quando a T V não tiver ligada,
Quero ser teu herói preferido.
Não te ensinar nada em definitivo,
Nada do que aprendendo vivo.
Em vez de professor,
Antes for, o aluno mais antigo.
Não ser teu proprietário
Amo e senhor, um ditador.
Não impor, depor...
Ser tão somente um confidente,
Sempre que precisares contar comigo.
Ser atualmente, literalmente,
O maior dos teus pequeninos amigos.
  
Fábio Murilo, 14.06.2002

42 comentários:

  1. Bom dia de sábado , que seu dia seja lindo , com um final de semana de paz, e uma Pascoa cheinha de chocolate bjuss com meu carinho de sempre!!
    Rita

    ResponderExcluir
  2. Conseguir uma amizade sincera, é o mesmo que ser dono de um tesouro.
    Muito bom, Fábio.
    Beijos!

    ResponderExcluir

  3. Soneto

    Quero compartilhar esse colorido
    Desse por do sol encantado assim
    Do mesmo céu quase sem sentido
    Que busca refulgências de carmim.

    Nem quando a tevê estiver ligada
    E nela aparecer tão famoso herói
    Saiba que não posso ensinar nada
    E isso, no fundo, me magoa e dói.

    De que vale aprender tudo então
    E da vida sequer ser um professor
    Repetir tão somente um ramerrão?

    Ou, literalmente, aos amigos impor
    Os ideais em completa imposição
    Como fôramos detestável ditador.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por mais um comentário/soneto, hábil bardo. Somou.

      Excluir
  4. Simplesmente maravilhoso, estou cá a meditar.
    Um abraço caro amigo e parabéns por ter um talento tão ímpar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Maria Tereza, gentilíssima como sempre.

      Excluir
  5. Simplesmente fantástico!

    Desejo-te uma Santa e doce Páscoa, extensivo à tua familia e amigos
    beijos doces
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  6. Que lindo Fábio! Aliás amo sempre tudo que tu escreves, e essa poesia em especial...
    Me identifiquei com ela...
    Bem quero te desejar uma feliz Páscoa!!!
    Beijos e beijos

    http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Primeiramente, gosto mesmo das imagens que você sempre escolhe.
    São de excelente bom gosto mesmo.
    E estou constatando tá, e não sendo simpática.
    ;)

    Fiquei aqui olhando o pássaro na tela, mas tem um detalhe muito importante nessa fotografia: um ovo na mesa (que não é um desenho). O ovo inspirou a tela, ou a tela é inspiração ao ovo?
    Em todo caso... tuas carinhosas palavras levaram-me mesmo a caminhar por tão propícia vida, como o ovo, que se parte porque o ninho é quente e bom: Ser atualmente, literalmente,O maior dos teus pequeninos amigos.
    Tipo um passarinho a cantar?
    Que seja abençoada tanta disposição, abertura, receptividade para uma bela e boa amizade.

    Meu Olá
    =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre muito observadora, Priscilla, faz gosto uma leitora assim. Obrigado.

      Excluir
  8. amar tem muito disso (e digo me qualquer forma de amor): ceder, ao invés de só querer ser o que impõe.
    um pouco de doação de cada lado e a gente se harmoniza, confidencia, é feliz em conjunto, porque deseja a felicidade do outro!
    muito bom, Fábio. você é ótimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Carol, pela abrangente observação. Beijos!

      Excluir
  9. Um tentador convite. rs Sabe escolher bem suas palavras, sempre tocante. Esse lugar aqui me acalma. Bom final de semana Murilo (Ou prefere Fábio?) rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, seja sempre bem vinda! Que bom que se sinta tão bem por aqui. Me chame de qualquer jeito, você manda, Nanda (não resisti ao trocadilho) rs...Obrigado.

      Excluir
  10. Que esta Páscoa seja de renovação e Paz!
    Feliz Páscoa
    Beijos doces.

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  11. uma Santa Páscoa na certeza de que precisamos de ressuscitar na alegria, na esperança e no amor, todos os dias.

    Forte abraço, amigo

    ResponderExcluir
  12. Boa tarde.
    Independentemente da publicação que está fantástica, o blogue http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/, deseja que passe(m) um DOMINGO de PÁSCOA muito feliz - com muito Amor, Paz, Saúde, e muitas amêndoas docinhas - se possível junto da família e/ou amigos de verdade.
    Deixo cumprimentos.
    Ricardo, Águia_Livre

    ResponderExcluir
  13. Olá, Fábio!
    Ah, que entrega bonita, esse estender a mão oferecendo o coração, o corpo inteiro, os minutos. Tom romântico e encantador.
    Belíssimo texto, cavalheiro!

    ResponderExcluir
  14. É isso Fábio, um pai deve ser um amigo e não um ditador...
    Claro que o respeito tem que haver, porém a forma com que conduzes a paternidade em seu poema, é bem suave, isso é legal. Muitos filhos se perdem, por não terem a amizade dos pais... acabam indo conversar com outras pessoas, as quais por vezes lhe dão maus conselhos...
    Acredito que cada um tem sua forma de ser, de conduzir a criação dos filhos, bem a questão é sempre dar o nosso melhor, para que consigamos encaminha-los a caminhos bons, caminhos de vida, de sucesso!

    Mais uma vez gostei de ler-te, poeta amigo!

    Besos en tu corazón!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo, Fê. Educação é tudo. Base sólida, escudo. A maior herança que os pais podem deixar oro filhos. Dialogo e confiança são fundamentais. Beijos, "espanhola", rs.

      Excluir
  15. Não ter a pretensão de ser o maior dos amigos, simplesmente estar aberto e disponível, não adoptando atitudes de ser superior, mais esclarecido e dono da verdade, mas actuar como um aluno mais antigo, que também está sempre a aprender.
    Presumo que o poema tenha a ver com o sentimento de paternidade, no entanto seria adequado também para qualquer relação de amizade, dado que qualquer atitude de domínio arrasa todos os tipos de relacionamento. Mas os "pequeninos amigos", a "tv", e o "herói preferido" remete para as crianças.
    Um poema lindo e aberto, talvez dedicado ao teu filho...? :-)
    xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Laura, pela abrangente e democrática analise.

      Excluir
  16. Um belo poema.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    ResponderExcluir
  17. Lindo poema...quem dera todos pensassem assim =)

    ResponderExcluir
  18. Boa noite, Murilo.
    Você teve a delicadeza e a grandeza de alma de servir, ser amiga, isso é tão bom, tão raro, que fico a imaginar que o mundo seria muito melhor se mais confidentes povoasse nossos dias.
    Vez em quando estamos tão preocupados com nossos problemas que esquecemos do outro, de dar amor, carinho e um olhar, apenas um abraço, muitas vezes, salvador.
    Belo poema.
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir
  19. Seus versos são muito sutis, suaves, delicados, no entanto, capazes de despertar sentimentos febris, apaixonantes. Não sei se escreves há tempos, mas deverias pensar em reunir os melhores dos seus poemas, criar um bom projeto e publicar um livro. Assim sua poesia alcançaria também aqueles que não participam da vida virtual, mas que também gostam de uma boa poesia. :)

    Abraços!

    Meus blogs literários:
    O Poeta e a Madrugada (Contos e Poesia)
    Dark Dreams Project (Contos de suspense e terror)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Livro? Já publiquei dois a algum tempo, por mim mesmo custeados. É gratificante, uma realização decerto. Quem sabe... Obrigado, Dênis. Abraço!

      Excluir
  20. lindo poema! forte! me emocionei! parabens! obrigado por compartilhar!

    ResponderExcluir
  21. A Pomba, obra do surreal René Magritte casa maravilhosamente com a liberdade de teus versos. É o que deveria ser sempre no campo das amizades e dos amores.
    Beijo, Fábio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem informada, Tais, gostei de saber. Pois é. Beijos!

      Excluir