sexta-feira, 22 de março de 2013

Desconfio que Escrevi um Poema

Impossível compor um poema a essa altura da evolução da humanidade.
Impossível escrever um poema - uma linha que seja - de verdadeira poesia.
O último trovador morreu em 1914.
Tinha um nome de que ninguém se lembra mais.

Há máquinas terrivelmente complicadas para as necessidades mais simples.
Se quer fumar um charuto aperte um botão.
Paletós abotoam-se por eletricidade.
Amor se faz pelo sem-fio.
Não precisa estômago para digestão.

Um sábio declarou a O Jornal que ainda falta
muito para atingirmos um nível razoável de
cultura. Mas até lá, felizmente, estarei morto.

Os homens não melhoram
e matam-se como percevejos.
Os percevejos heróicos renascem.
Inabitável, o mundo é cada vez mais habitado.
E se os olhos reaprendessem a chorar seria um segundo dilúvio.

Carlos Drummond de Andrade

4 comentários:

  1. Drummond é simplesmente magnífico. Ele é o meu poeta favorito de todos, me encanta!, me encanta de um jeito que nenhum outro consegue.
    http://drummond.memoriaviva.com.br/alguma-poesia/mundo-grande/ (ouça esse poema declamado por ele)

    Boa sorte com o seu blog, é muito bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tiane, apesar de ser conterrâneo de Manuel Bandeira, Drummond, disparado, também é o meu poeta preferido. A poesia nele flui numa espontaneidade incrível, parece compor versos sem o mínimo esforço. Estrangeiro, não sei se pode falar assim de quem fala português, igual à gente, gosto do excelente Fernando Pessoa, se você vier outras vezes dará prá notar que o blog parece mais dedicado aos dois. Ainda bem que ele não é de nossa terra ia ser muito difícil dizer, dos dois, qual o melhor. Obrigado pela visita!

      Excluir
  2. Um sábio declarou a O Jornal que ainda falta
    muito para atingirmos um nível razoável de
    cultura. Mas até lá, felizmente, estarei morto.

    Pois no Brasil o Funk se tornou algo Cultural Carlos!
    O que dizer?
    O que posso fazer é preservar a cultura que há em mim.

    Amei esse poema Fábio, uma pérola!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ótimo, Fê, que bom que tenha gostado! Carlos Drummond é o meu peota brasileiro preferido. Obrigado.

      Excluir